terça-feira, 13 de setembro de 2016

Opinião: "Tornado"

Título original: Low Pressure
Autor: Sandra Brown
Tradutor: Lídia Geer
Editor: Quinta Essência
Edição/reimpressão: Março de 2014
ISBN: 9789897261121
Páginas: 484

Sinopse: Bellamy Lyston tinha apenas doze anos quando a irmã mais velha, Susan, foi morta num dia de feriado tempestuoso em finais de Maio. Atualmente, dezoito anos mais tarde, Bellamy escreveu um livro de grande sucesso que se baseia no assassínio de Susan. Uma vez que o livro se tinha inspirado no trágico acontecimento que continua a amargurar a sua família, ela decidiu publicá-lo sob um pseudónimo, a fim de os proteger de uma publicidade indesejada. Mas quando um repórter oportunista descobre que o livro é baseado em factos verídicos, a identidade de Bellamy é revelada a par do escândalo da família. Além disso, Bellamy torna-se alvo de alguém sem escrúpulos que, ou por querer que a verdade subjacente ao assassinato de Susan continue por desvendar ou, ainda mais ameaçador, por estar determinado a vingar-se por um homem acusado e condenado injustamente. Para poder identificar quem anda a assediá-la, Bellamy vê-se confrontada com os fantasmas do seu passado, entre os quais se inclui Dent Carter, o namorado instável e irresponsável de Susan - um dos primeiros suspeitos de ter cometido o crime. Dent, com esta e outras máculas no seu passado, está firmemente decidido a limpar o seu nome, para o que precisa da memória bloqueada de Bellamy. Contudo, as suas recordações, até então bloqueadas - depois de desbloqueadas - constituem novos perigos imprevisíveis.

A minha opinião: Tornado não foi o meu livro preferido de Sandra Brown, mas isso não significa que não o tenha adorado. Só significa que a autora elevou demasiado a fasquia...

Quando Bellamy Lyston tinha apenas doze anos, um tornado destruiu a cidade, mas a maior destruição foi descoberta nos destroços: a sua irmã Susan foi assassinada. No meio do caos e da confusão determinar álibis não é propriamente fácil, mas eventualmente a polícia lá encontra e prende o culpado. Mas os eventos dessa tarde continuam a assombrar Bellamy e ela tenta expurgá-los escrevendo um livro baseado neles. Claro que o livro é escrito como ficção e sob um pseudónimo, mas um jornalista sensacionalista resolve investigar e expõe-a como a verdadeira autora do livro, bem como a veracidade dos eventos descritos. E, de repente, Bellamy vê-se forçada a promover o livro. Contudo, quando uma encomenda assustadora lhe aparece em casa, ela resolve abandonar tudo e regressar a casa.

A sua família não ficou contente com toda a atenção que o livro de Bellamy desenterrou, mas a doença do pai dela está a piorar, pelo que têm outras prioridades de momento. E quando o pai lhe pede que descubra o que realmente aconteceu à irmã naquele dia, como pode ela recusar-lhe o seu último pedido?

Investigar o assassinato da irmã implica confrontar Dent Carter, o namorado de Susan por quem Bellamy tinha um fraquinho. Ele chegou a ser suspeito, mas tinha um álibi, contudo nunca se livrou realmente da suspeita. Isto porque o homem que foi preso nunca confessou e a investigação foi, de certa forma, apressada, pelo que nunca houve um sentido de encerramento em relação ao caso.

Ao início, Dent não quer nada com os Lyston, mas depois resolve aproveitar a oportunidade para limpar o seu nome de uma vez por todas. Só não estava a contar com a imensa atracção que sente por Bellamy. E se ao início parece de muito mau gosto interessar-se pela irmã mais nova da antiga namorada que foi assassinada, a verdade é que a relação de Dent e Susan não era bem aquilo que Bellamy pensava. Nem a verdadeira Susan correspondia à imagem que tinham dela. E a verdade é que talvez hajam mais pessoas com motivo para a matar do que a polícia considerou...

Como já disse, gostei muito. Mas talvez o facto do crime investigado ser um caso antigo lhe tenha tirado alguma da urgência que gosto nestes livros. E também o perseguidor de Bellamy nunca me assustou particularmente (embora me tenha enojado bastante...). Mas confesso que não descobri quem matou a Susan...

Classificação: 4

-------------------------------------------------------------------

Este livro conta para os Desafios TBR Pile 2016 e Mount TBR 2016.

Sem comentários :

Enviar um comentário