quinta-feira, 26 de março de 2020

Opinião: "A Wedding in December"

Autor: Sarah Morgan
Editor: Harlequin
Edição/reimpressão: Outubro de 2019
ISBN: 9781488054297
Páginas: 384
Origem: Oferecido pela editora em troca de uma opinião sincera


Sinopse: From the USA Today bestselling author of The Christmas Sisters comes this funny, charming and heartwarming all new original Christmas novel. This is Sarah Morgan at her festive best!

In the snowy perfection of Aspen, the White family gathers for youngest daughter Rosie’s whirlwind Christmas wedding. First to arrive are the bride’s parents, Maggie and Nick. Their daughter’s marriage is a milestone they are determined to celebrate wholeheartedly, but they are hiding a huge secret of their own: they are on the brink of divorce. After living apart for the last six months, the last thing they need is to be trapped together in an irresistibly romantic winter wonderland.

Rosie’s older sister, Katie, is also dreading the wedding. Worried that impulsive, sweet-hearted Rosie is making a mistake, Katie is determined to save her sister from herself! If only the irritatingly good-looking best man, Jordan, would stop interfering with her plans…

Bride-to-be Rosie loves her fiancé but is having serious second thoughts. Except everyone has arrived—how can she tell them she’s not sure? As the big day gets closer, and emotions run even higher, this is one White family Christmas none of them will ever forget!


A minha opinião: Rosie White sempre foi impulsiva, mas agora excedeu-se. Anunciar o seu noivado no dia de acção de graças e, ao mesmo tempo anunciar que o casamento será na véspera de natal (ou seja, daí a menos de quatro semanas) é demasiado até para ela. 

Rosie é a filha mais nova e toda a vida foi protegida pelos pais e pela irmã mais velha. Não ajuda o facto de ter asma e não ser propriamente cuidadosa... Mas agora está a viver e a estudar na América, está apaixonada e, pela primeira vez na vida sente-se independente. E tem a certeza que quer casar com Dan. 

Katie, a sua irmã mais velha, tem a certeza que é um erro. E está determinada a abrir os olhos da sua irmã. Mas a verdade é que o casamento é uma excelente oportunidade para se afastar do trabalho e para tentar ultrapassar o que lhe aconteceu e que não contou a ninguém da família...

Já os pais delas, Maggie e Nick, têm outro problema com o casamento. É que estão separados há seis meses e a contemplar o divórcio, mas ainda não contaram às filhas. E agora não o podem fazer, ou arriscam estragar o casamento de Rosie. Por isso concordam em fingir ainda serem um casal feliz. 

Mas nada corre como planeado quando chegam a Aspen, onde a mãe do noivo tem um hotel, e onde será o casamento. Maggie exagera no fingimento, o que faz com que a futura comadre lhe queira proporcionar uma segunda lua de mel com Nick. Katie está determinada em abrir os olhos à irmã, mas tem de lidar com a interferência do padrinho, Jordan. E Rosie começa a ver as suas certezas abaladas... 

Poderá o que começou como uma farsa ser uma segunda hipótese para Maggie e Nick? Conseguirá Katie deixar de ser super protectora em relação à irmã e dar uma hipótese a si própria para ser feliz? E será que sempre haverá um casamento na véspera de Natal? 

Adorei este livro. As personagens são fantásticas e tão reais. As relações familiares são extremamente bem desenvolvidas pela autora e não pude deixar de torcer por todos os casais. Mais uma excelente história da autora. 


Classificação: 5

quarta-feira, 25 de março de 2020

Opinião: "Inés da Minha Alma"

Título original: Inés del alma mía
Autor: Isabel Allende
Tradutor: Ana Mendes Lopes
Editor: Difel
Edição/reimpressão: Setembro de 2006
ISBN: 9789722908073
Páginas: 342

Sinopse: «Suponho que venham a colocar estátuas da minha pessoa nas praças, e haverá, por certo, ruas e cidades com o meu nome, tal como as haverá também com o nome de Pedro de Valdivia e outros conquistadores, mas as centenas de mulheres que se esforçaram por fundar as cidades, enquanto os seus homens lutavam, serão, quase de certeza, esquecidas.»
Inés Suárez é uma jovem e humilde costureira, oriunda da Extremadura, que embarca em direcção ao Novo Mundo para procurar o marido, extraviado com os seus sonhos de glória do outro lado do Atlântico. Anseia também por viver uma vida de aventuras, vedada às mulheres na pacata sociedade do século XVI.
Na América, Inés não encontra o marido, mas sim uma grande paixão: Pedro de Valdivia, mestre-de-campo de Francisco Pizarro, ao lado de quem Inés enfrenta os riscos e as incertezas da conquista e fundação do reino do Chile.
Neste romance épico, a força do amor concede uma trégua à rudeza, à violência e à crueldade de um momento histórico inesquecível. Através da mão de Isabel Allende, confirma-se que a realidade pode ser tão ou mais surpreendente que a melhor ficção, e igualmente cativante.


A minha opinião: Isabel Allende é uma das minhas autoras favoritas, mas, infelizmente fiquei muito decepcionada com este livro. É baseado numa história verídica, a história de Inés Suárez e do seu papel na "conquista" e fundação do reino do Chile no século XVI. Tinha todo o potencial para ser uma história épica. Infelizmente, não é... 

A história começa como as memórias de uma idosa Inés contadas à sua filha adoptada Isabel. E aqui surge, provavelmente, o meu maior problema com o livro: Inés declara à filha que o pai dela, Rodrigo de Quiroga, foi o grande amor da sua vida. No entanto, de acordo com o seu próprio relato, não foi. Foi apenas o último. O grande amor da vida de Inés foi Pedro de Valdivia. Foi um amor atribulado, mas foi claramente o grande amor da sua vida. 

A história nunca me prendeu realmente, o que explica porque é que demorei tanto tempo a ler o livro. A verdade é que todas as personagens me irritaram, com a excepção de Rodrigo. Mas ele também não surge muito tempo na história. Inés é uma mulher forte, determinada e apaixonada, mas acaba por se sujeitar a muito por causa desse mesmo amor. E é atormentada por fantasmas do passado. 

Estava à espera de um romance passado no cenário verídico da "conquista" do Chile, no entanto o que obtive foi um relato cronológico da vida de Inés, com romance em pano de fundo. Não sei se foi a autora que mudou ou se fui eu, mas ainda não estou preparada para desistir dela... 


Classificação: 2

Fonte

terça-feira, 24 de março de 2020

Opinião: "Something About a Hot Guy"

Autor: A.L. Jackson
Formato: Audiolivro
Narradores:  Meg Sylvan e Tim Paige 
Editor: Read Me Romance
Edição/reimpressão: Agosto de 2019


Sinopse: Kyle Love is the bane of my existence.
Arrogant jerk.
Obscenely gorgeous.
Completely out of my league.

Did I mention he’s my best friend’s big brother?

Oh yeah, and I’ve been in love with him my entire life.

Kenna Myer drives me insane.

Adorably shy.
Painfully awkward.
Ridiculously sexy.

And my sister has made it clear on multiple occasions that she’s completely off-limits.
When I show at the apartment she shares with my sister for a surprise visit to find my sister away for the weekend, I know a should walk.

I don’t.
It turns out my sweet Kenna has herself a secret…a blog called Something About a Hot Guy.

I’m ninety-nine percent sure its top subject is me.

One thing I’m certain of? Things are about to get interesting…


A minha opinião: Kenna Myer está apaixonada por Kyle Love, o irmão da sua melhor amiga, desde sempre. Mas ele sempre a tratou como uma miúda, por isso ela decidiu que o melhor a fazer é manter a distância dele. Só que agora ele apareceu no apartamento que ela partilha com a irmã dele (que foi passar o fim de semana fora) e insiste em ficar no quarto da irmã. Passar um fim de semana no mesmo apartamento que Kyle tem tudo para correr mal, mas o que pode Kenna fazer? 

A verdade é que Kyle também é louco por Kenna, mas tendo sido avisado pela sua irmã para a deixar em paz, tem mantido a distância todos estes anos... Mas agora que o destino lhe proporcionou esta oportunidade, ele não a vai desperdiçar. Especialmente não depois de descobrir que ela tem um blogue chamado Something About a Hot Guy. E ele tem a certeza que o rapaz sobre quem ela escreve é ele... 

Gostei mesmo muito desta novela. Só tive pena de não ser maior. Teria gostado de ter lido mais sobre estes dois! Mas fiquei com muita vontade de ler mais livros da autora. 


Classificação: 4

Fonte

segunda-feira, 23 de março de 2020

Opinião: "Rough Sketch"

Autor: Kate Canterbary
Série: Talbott’s Cove #4
Formato: Audiolivro
Narradores: Christian Fox e Savannah Peachwood
Editor: Read Me Romance
Edição/reimpressão: Julho de 2019


Sinopse: Smart, successful, and sitting pretty at the top of her game, Neera Malik has it all figured out.

Save for the small issue of Gustavo Guillmand.

The artist with a cult—and Instagram—following has a problem and it’s not his preference for shirtless selfies.

No, he has an attitude problem, a minding his own business problem, an infuriatingly sexy problem.

They can’t stand each other and they can’t stay away from each other.


A minha opinião: Gustavo Guillmand é um artista que ganhou uma residência artística na sede da empresa em que Neera Malik trabalha, em Sillicon Valley. É uma oportunidade única na vida, mas agora que começou a residência, Gus sente-se asfixiado pelo ambiente empresarial e teme ter perdido a sua criatividade... Excepto no que diz respeito a Neera, que parece ter-se tornado a sua musa o que não deixa de ser irónico, já que ele nem gosta dela... 

Neera também não gosta particularmente de Gus. A sua personalidade artística irrita-a, bem como a sua despreocupação com regras e compromissos. E o facto dele parecer gostar de a irritar, ainda a irrita mais... 

Mas quando fazem tréguas por uma tarde e se conhecem melhor, percebem que podem ter mais em comum do que pensam. E que o motivo porque se irritam tanto um ao outro pode, afinal, ser uma imensa atracção... 

Os personagens têm imenso potencial, mas tudo é demasiado apressado nesta história. E o fim simplesmente não resultou para mim. Mas vou dar outra hipótese à autora, já que tenho o primeiro livro desta série para ler. 


Classificação: 2

Fonte

Opinião: "Smolder"

Autor: Aly Martinez
Série: Guardian Protection #2.5
Formato: Audiolivro
Narradores: Andi Arndt e Romualdo Palacios
Editor: Read Me Romance
Edição/reimpressão: Julho de 2019


Sinopse: Mateo Rodriguez was something of an anomaly. The majority of the world viewed him as a ruthless criminal with no respect for life or law. However, the man I knew was gentle and caring, catering to my every desire.

He would have been the perfect man, if only he would have left his life of crime behind and chosen me.

So there we were—for five years—in love and at a stalemate.
When three armed men dragged me out of my bed in the middle of the night, I realized just how right I’d been to fear his lifestyle.

Or, maybe I’d been wrong. Because Mateo was the only man powerful enough to save me.


A minha opinião: Tratando-se do livro 2.5 de uma série, e uma vez que o casal protagonista já se conhece e já está apaixonado, presumo que haja história prévia entre eles no livro anterior, que não li. 

Ivy e Mateo são apaixonados um pelo outro, mas ele recusou-se a abandonar a sua vida de crime por ela. Por isso, cinco anos depois, ele vigia-a através de câmaras na casa dela, que ela sabe existirem e que utiliza para o atormentar. Nenhum deles é verdadeiramente feliz, mas estão conformados com a situação... 

Até que Ivy é raptada e só Mateo a pode salvar. E, pela primeira vez, ela considera que talvez o que ele faz não seja assim tão mau... 

Gostei desta novela, mas soube-me a pouco. Se, por um lado, me faltou contexto, por outro foi tudo demasiado rápido. Teria gostado de ver esta história mais desenvolvida. Mas gostei do mundo e do estilo da autora e, como até tenho o primeiro livro da série, vou dar-lhe uma hipótese. 


Classificação: 3

Fonte

sábado, 21 de março de 2020

Opinião: "Temp the Ex"

Autor: Natasha Madison
Série: Tempt #2.5
Formato: Audiolivro
Narradores: Caitlin Elizabeth e James Larceny
Editor: Read Me Romance
Edição/reimpressão: Julho de 2019


Sinopse: 

Dani

I dumped the man I thought I would marry because my roommate told me these are the years to be wild and free.

College isn’t for getting serious it’s for letting loose.

Except it’s not all it’s cracked up to be and I’m miserable.

John 

I was on top of the world.

In college at the top of my game, living with my two best friends and I had the love of my life by my side.

It felt like I had it all.

Then she dumped me out of the blue.

With nothing else to lose I listened to my roommates and set out a plan to tempt the ex.


A minha opinião: Dani e John eram namorados e tudo parecia indicar que a relação deles era para durar, mas Dani deixa-se convencer pela sua colega de quarto que o tempo da faculdade é para experimentar e que não se pode prender a apenas um rapaz, e acaba tudo com John. 

Obviamente o resultado é que andam os dois infelicissimos. Por mais que os colegas de casa dele insistam que o melhor que ele tem a fazer é avançar para a próxima rapariga, John sabe que a única para ele é Dani. Daí resulta um plano para a reconquistar. E uma lista de ideias desastrosas e hilariantes...

Também Dani percebe o erro que cometeu, mas julgando que John já partiu para outra, também ela planeia conquistá-lo de volta. 

É um romance muito ternurento. O herói é fantástico, mesmo que não tenha noção do quão más algumas das acções da lista são. A heroína começa por irritar, por se ter deixado convencer a fazer o que não queria e por não ter percebido mais cedo o que era tão óbvio... Mas fiquei feliz por eles no final. Só tenho pena que não tenhamos chegado a assistir às cenas calientes que, tenho a certeza, protagonizaram... 


Classificação: 3

Fonte

Opinião: "Balls Out"

Autor: Avery Flynn
Formato: Audiolivro
Narradores: Karen White e Rock Engle
Editor: Read Me Romance
Edição/reimpressão: Julho de 2019


Sinopse: What happens when a woman who despises baseball—and one retired big leaguer who put a ring on it in particular—has to infiltrate a fantasy baseball camp so she can serve the louse with divorce papers?


A minha opinião: Aria e Jace casaram em Las Vegas depois de um romance impulsivo. Três semanas depois ela deixou-o e está a tentar divorciar-se desde então. E já lá vão seis meses... 

É é por isso que está infiltrada no campo de basebol dele e não planeia ir-se embora antes que ele assine os papéis. Mas ele quer continuar casado com ela e está convencido que está é a oportunidade de que precisava para a convencer que devem ficar juntos. 

Gosto muito dos livros da autora, mas infelizmente este não foi dos meus preferidos. A história merecia maior desenvolvimento. Não só fica demasiado por explicar, como também nunca senti realmente que eles fossem mais felizes juntos do que separados. O Jace insiste que ama a Aria, mas regressou à sua terra natal, montou um negócio, e nunca fez realmente qualquer tentativa de a reconquistar até ela ir ter com ele. E, para uma mulher tão decidida, não é assim tão difícil para Jace fazê-la mudar de ideias... 

A narradora também não ajudou... 


Classificação: 3

Fonte

sexta-feira, 20 de março de 2020

Opinião: "Instacrush"

Autor: Kate Meader
Série: Rookie Rebels #2
Edição/reimpressão: Dezembro de 2019
ASIN: B07XF9ZCTF
Páginas: 319
Origem: Oferecido pela autora em troca de uma opinião sincera


Sinopse: Theo Kershaw is the luckiest guy alive.
Roaring back from a life-threatening injury, he has the world at his skates as defenseman for his new team, the Chicago Rebels. Everyone adores his big personality, his on-ice talent, and his killer smile. Everyone but his prickly neighbor--or so he thinks. One chilly Christmas Eve, Theo will learn that maybe the girl next door isn't such a hater after all ...

Elle Butler is the most embarrassing person on the planet.
How else can the ex-military-now-bartender explain her crush on the hot jock who lives across the hall? True, he has gorgeous green eyes and perfect cheekbones, but the filter between his brain and too-sexy mouth is permanently malfunctioning. Yet she can't stop checking out his Instagram antics or sneaking looks at him when he's in her bar. Absolutely mortifying. Running from a past filled with damning secrets, Elle's determined that this guilty pleasure remains buried in her deepest fantasies.

Because she couldn't possibly indulge with the Theo Kershaw. Or make a mistake that draws attention to her under-the-radar life. And she especially couldn't be a mom to a pro-athlete's baby ... could she?

sábado, 14 de março de 2020

Opinião: "Best Man with Benefits"

Autor: Samanthe Beck
Série: Wedding Dare #4, McCade Brothers #3
Editor: Entangled: Brazen
Edição/reimpressão: Junho de 2014
ISBN: 9781622667291
Páginas: 229


Sinopse: How far can one favor go…

Logan McCade arrives at his best friend’s wedding overworked and in desperate need of a vacation, only to discover his best man duties have been…expanded. He must coax Colton’s sister out of her shell, or risk her hiding in her room all week. Logan figures he can handle one introverted bridesmaid, but he’s not expecting how much he enjoys “handling” Sophie…or how much she enjoys being handled.

Socializing has never been web designer Sophie Brooks’s strong suit, but she’s determined to shed her wallflower image and embrace the “New Sophie”—a feat made easier with the supremely sexy Logan McCade tempting her to explore all her forbidden fantasies. If she’s not careful, she just might fall for the best man.

Sophie’s sweet, sexy, and delectably awkward demeanor brings much-needed calm to Logan’s hectic life. With the nuptials only days away, Logan is forced to face the possibility that his favor to a friend might have become something else entirely…and that he’s not willing to let Sophie go. Ever.


A minha opinião: Logan McCade irá ser o padrinho de casamento de Colton, mas descobre que, para além das funções habituais inerentes à função, o noivo tem uma missão muito especial para ele: fazer companhia à sua irmã Sophie, garantindo que ela socializa e se diverte durante a semana. 

Sophie Brooks está determinada a aproveitar a semana para se reinventar e a aposta feita com as outras damas de honor é a desculpa perfeita para revelar a "Nova Sophie". E quando o padrinho lhe começa a prestar atenção, tudo se parece conjugar perfeitamente. 

O que começa como um favor rapidamente se torna um prazer para Logan, especialmente quando ele se apercebe de que, para lá da tímida beldade que tenta a todo o custo passar despercebida, se esconde uma mulher apaixonada. Mas envolver-se com a irmã do seu melhor amigo é uma traição, e ele não tem a certeza de ser suficientemente forte para não a cometer... E o que acontecerá se Sophie descobrir que foi por causa do favor ao seu irmão que Logan se aproximou dela? 

Gostei muito destes dois e da relação deles. A maneira como ele se apaixona por ela é tão gratificante de acompanhar... E também adorei o facto dela se ter tornado uma mulher forte e confiante, não por causa dele, mas com o seu auxílio. 

Toda esta série foi fantástica. Adorei todos os pormenores que se passaram em vários livros, já que a acção se passa ao mesmo tempo. É ainda bem que resolvi lê-los todos de seguida porque muitos pormenores me teriam passado despercebidos se assim não fosse. 


Classificação: 4


Fonte

quarta-feira, 11 de março de 2020

Opinião: "Seducing the Bridesmaid"

Autor: Katee Robert
Série: Wedding Dare #3
Editor: Entangled: Brazen
Edição/reimpressão: Junho de 2014
ASIN: B00K9OOET0
Páginas: 131


Sinopse: She has a plan. He’s about to change it.

Regan Wakefield is a headhunter in both name and personality: driven, motivated, and unafraid to pursue what—and who—she wants. Naturally, she’s thrilled when her friend's wedding offers her an opportunity to score Logan McCade, the practically perfect best man. Unfortunately, groomsman Brock McNeil keeps getting in her way, riling her up in the most delicious of ways. But Brock’s smooth southern charm isn't part of the plan...so how exactly did they end up having searing-hot sex?

Regan may pretend the erotic electricity sparking between them is merely a distraction, but Brock knows better. She refuses to see beyond the devil-may-care façade he presents to the world, while he sees straight through hers. Changing her mind—and getting under her skin—is a challenge he can’t resist. And when he wins, Brock will do whatever it takes to convince Regan that the best man for her is him.


A minha opinião: Quando Regan Wakefield lança o desafio de cada uma das damas de honor seduzir um dos padrinhos, tem os seus próprios motivos: ela pretende conquistar Logan McCade. Ele é o homem perfeito para ela, motivado e completamente focado na sua carreira, ele é a versão masculina dela. Infelizmente, sempre que ela se prepara para agir, Brock McNeil está lá para lhe atrapalhar os planos. 

Brock pode parecer não se preocupar com nada excepto em aproveitar os prazeres da vida, mas há mais nele do que ele deixa ver. Aliás, ele sempre fez questão em passar essa imagem e nunca quis que ninguém percebesse a verdade. O que os outros pensam dele nunca lhe interessou, mas, por algum motivo que não percebe realmente, a opinião que Regan tem sobre ele é importante. 

Um encontro escaldante devia ser suficiente para Brock avançar e deixar Regan livre para prosseguir com o seu plano, mas ele parece determinado em meter-se no caminho dela e em provar-lhe que o homem certo para ela é ele. É o mais estranho é que, por mais que ela tente convencer-se do contrário, ele pode bem ter razão... 

Assistir ao percurso destes dois foi tão satisfatório! A autora já me habituou a cenas escaldantes e a um sentido de humor apurado e este livro cumpriu. Ver como ela se apercebe que aquilo que precisa não é aquilo que quer, ao mesmo tempo que ele se apercebe que mostrar a sua verdadeira essência não o torna mais fraco foi mesmo muito bom. 


Classificação: 4


Fonte

terça-feira, 10 de março de 2020

Opinião: "Baiting the Maid of Honor"

Autor: Tessa Bailey
Série: Wedding Dare #2
Editor: Entangled: Brazen
Edição/reimpressão: Junho de 2014
ISBN: 9781622667260
Páginas: 127


Sinopse: He’ll own her from the very first touch.

Julie Piper and Reed Lawson have nothing in common. She’s a people-pleasing sorority girl hiding behind her perfect mask. He’s a take-no-prisoners SWAT commander who isolates himself from the world. But when they’re forced together at their friends’ posh destination wedding, one thing is clear—Reed wants Julie more than he wants his next breath. Which is why he’s not about to stand by when she’s dared to seduce another man.

Julie wants neat, tidy sex, so she could get back to what she does best—making everybody else happy. She never expected to slip into a dark bedroom and have her mind blown by rough, demanding hands, and a sinfully filthy mouth—neither of which belong to the best man.

One night should have been all Reed needed to get the blond temptress out of his system, but when one taste is nowhere near enough, he’ll be forced confront the effects of his hellish past. One that may push Julie away forever... just when he realizes he can't live without her.


A minha opinião: O segundo livro da série é focado na madrinha, Julie Piper,  e num dos padrinhos, Reed Lawson. Julie passou toda a vida a tentar ser o que esperam dela: perfeita. A filha perfeita, a amiga perfeita, a mulher perfeita. É isso é esgotante... Quando é desafiada a seduzir um dos padrinhos, a escolha perfeita é, obviamente, o padrinho, Logan. Mas então porque é que ela parece não ser capaz de resistir a Reed? Ele é completamente errado para ela, mas a tentação de lhe ceder o controle é difícil de resistir... 

Quando Reed vê Julie pela primeira vez, num raro momento de vulnerabilidade, o seu interesse é imediatamente despertado. Infelizmente não é ele o amigo do noivo que ela escolheu para seduzir. Mas ele sabe que lhe pode dar exactamente o que ela precisa, mesmo que não seja o que ela acha que quer... 

Podem duas pessoas tão diferentes ser perfeitas uma para a outra? E quando a semana chegar ao fim e voltarem às suas vidas normais, existirá futuro para uma relação entre eles? 

Este livro é Tessa Bailey no seu melhor! O Reed e a Julie são tão diferentes, mas funcionam tão bem. São mesmo aquilo de que precisavam. E as cenas entre eles são totalmente escaldantes! Ninguém escreve um dirty talker como ela... 


Classificação: 4


Fonte

segunda-feira, 9 de março de 2020

Opinião: "Falling for the Groomsman"

Autor: Diane Alberts
Série: Wedding Dare #1
Editor: Entangled: Brazen
Edição/reimpressão: Junho de 2014
ISBN: 9781622667277
Páginas: 157


Sinopse: She’s the one that got away. He’s the one she can’t forget.

Photojournalist Christine Forsythe is ready to tackle her naughty little to-do list, and who better to tap for the job than a hot groomsman? But when she crashes into her best friend’s older brother, Christine realizes her list needs updating. And fast. Tyler Dresco took her virginity during the best night of her life, then bolted. Now that they’re trapped together at a destination wedding, she’s going to get her revenge.

Tyler has never forgiven himself for how completely he lost control all those years ago. Being in Christine’s arms had felt right…until he realized what he’d taken from her in the hallway of a cheap motel. And oh, how she’s making him pay for it now. The insatiable heat between them has only grown stronger, but every time things heat up, Christine walks away.

With every encounter, things go a little bit further until Christine’s caught in her own trap of seduction. And before their time’s up, Tyler’s not the only one wanting more…


A minha opinião: Falling for the Groomsman continua a história de Dare to Resist, sendo o primeiro de uma série que se passa durante o casamento de Kady e Colton, protagonistas desse livro. Cada um dos livros é focado numa das damas de honor e num dos padrinhos e na aposta que elas fazem na primeira noite em como se vão enrolar com um deles até ao casamento.

Esta é a história de Tyler Dresco, irmão de Kady e melhor amigo de Colton, e Christine Forsythe, uma das melhores amigas de Kady. Ela está apaixonada por ele desde que o conhece, mas depois da forma como ele reagiu depois do que aconteceu no México, ela só quer pagar-lhe na mesma moeda...

A verdade é que ele também sempre se sentiu muito atraído por ela, mas nunca tentou nada por se tratar da amiga da sua irmã. Até aquelas férias da Páscoa em que acompanhou a irmã e as amigas dela e em que a tentação se revelou demasiado forte... Contudo, quando percebeu que tinha sido a primeira vez dela, fugiu. E tem continuado a fugir desde então...

Mas agora ela já não é uma miúda e ele é um homem que sabe o que quer. É o que ele quer é que Christine lhe dê uma chance de provar que, desta vez, não vai a lado nenhum, a não ser que ela o acompanhe. Infelizmente, ela parece querer apenas vingar-se dele, provocando-o sem dó nem piedade.

Gostei tanto destes dois! E como é que eu podia não gostar de uma história que junta proximidade forçada, inimigos a amantes e irmão da melhor amiga? A picardia entre eles é fantástica e ao mesmo tempo há momentos tão engraçados. E quando finalmente cedem... é simplesmente electrizante. Muito, muito bom.


Classificação: 4


Fonte

domingo, 1 de março de 2020

Balanço Mensal (Fevereiro 2020)

Fonte

Em Fevereiro terminei Fall Quiet de Zoe York e li E Se Fosse Verdade... de Marc Levy. Quanto aos audio-livros terminei I’m Yours, Baby de Fiona Davenport e ouvi She’s the One de Ella Goode, Definitely Kinky de Annabel Joseph, The Football Pants Chronicles de Tessa Bailey, Sweeter de Eve Dangerfield e reli Wanting My Stepsister de Alexa Riley. Também li dois livros infantis porque voltei a ser júri no concurso do Programa Nacional de Leitura para o 1º e 2º ciclo: O Aquário de João Pedro Mésseder e O Rapaz de Bronze de Sophia de Mello Breyner Andresen.



Não li grande coisa em Fevereiro... Não ajuda o facto de adormecer assim que me sento no sofá... O que também explica porque é que não publiquei nada no blogue...


Foi um mês cheio de promoções na Amazon:











2020 Reading Challenge


Em Fevereiro li 10 livros, o que significa que continuo adiantada.



Desafio Serial Killer 2020



Dois livros lidos.



Goodreads recomenda 2020


Acabei por não ler nenhum livro para este desafio...

Só tenho duas opções para Março, vamos lá a ver como corre:



Bingo Profissão do Herói 2020


Preenchi mais uma casa do cartão: Livre (Arquitecto).