terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Opinião: "Harley & Rose"

Autor: Carmen Jenner
Editor: Auto-publicado
Edição/reimpressão: Outubro de 2016
ASIN: B01M2XJSEA
Páginas: 316
Origem: Recebido para review em troca de uma opinião sincera

Sinopse: Ever since she was a little girl, thirty-year-old Rose dreamed of the day Harley would carry her across the threshold on their honeymoon. So what if this isn’t her actual wedding day, and that she’s only here because Harley was left at the altar just a few hours earlier?

Trading San Francisco for paradise and swapping her bridesmaid’s bouquet for a Blue Hawaii, Rose hopes she can finally escape the friend zone.

Once upon a time they had been more than friends, but life got in the way. She’s spent every day since wishing Harley would get a clue.

She’s always been his best friend.

He’s always been hers.

She’s in love with him.

He’s … not in love with her.
He’s … marrying someone else.
He’s … hiding something.

He’s … well—it’s complicated.

A minha opinião: Olhando para a capa e para a sinopse nunca sonharia que Harley & Rose fosse uma história tão pesada. Aviso já que o final é agridoce e que o terminei com um peso no peito que nunca pensei que lá estivesse quando comecei. Por isso, se gostam dos vossos finais felizes e cor-de-rosa, talvez seja melhor lerem outra coisa...

A história é contada alternadamente entre capítulos do presente e do passado, mas sempre da perspectiva da Rose (à excepção de um capítulo) e começa no dia do casamento do Harley com outra mulher, quando esta o deixa pendurado no altar... Eles são melhores amigos desde crianças e a Rose é apaixonada por ele desde sempre, por isso quando ele lhe pede que ela vá com ele na lua-de-mel para o Havai, ela acaba por ceder. E vê nessa viagem a oportunidade perfeita para o convencer de que são perfeitos um para o outro.

E o plano dela até parece estar a resultar, embora Harley vá passado de quente para frio sem explicação aparente. É que há algo que Harley está a esconder, algo que pode mudar tudo, para sempre... E quando Rose souber do que se trata, o que irá ela escolher?

Não posso contar mais sem estragar a história, por isso não o vou fazer. Gostei da forma como a história é contada, dos vislumbres da infância, adolescência e início da idade adulta deles e da forma como a relação entre eles evoluiu até se tornar no que é no presente.

É uma história progressivamente triste, mas também esperançosa e julgo que a sua principal mensagem é mesmo que devemos viver a vida ao máximo, sem complicar, com as pessoas que são realmente importantes para nós. Agarrar todos os bocadinhos e aproveitá-los, sem medos.

O motivo porque não lhe dei uma classificação superior deve-se apenas ao facto de me ter sentido enganada pela capa e sinopse fofinhas e não ir preparada para o que aí vinha quando o comecei a ler. Foi um choque e não no bom sentido... Mas preparados para isso, recomendo que o leiam.

Classificação: 3

Sem comentários :

Enviar um comentário