domingo, 30 de setembro de 2012

Balanço Mensal (Setembro 2012)

Fonte
Setembro foi o mês da preguicite aguda... Não em termos de leituras, felizmente, mas em relação a colocar aqui as minhas opiniões. Ainda tenho duas em atraso, mas vou tentar regularizá-las esta semana.

Em termos de leituras, li 5 livros: O Mistério do Comboio Azul de Agatha Christie, Peripécias do Coração de Julia Quinn, Entrega Total de Cheryl HoltPara ti, Uma Vida Nova de Tiago Rebelo e O Segredo de Sophia de Susanna Kearsley.

A aquisição do mês foi mesmo o Kindle! Mas ainda assim estes dois livrinhos (que já estão lidos) vieram parar à estante em Setembro:

Opinião: "Entrega Total"

Título original: Total Surrender
Autor: Cheryl Holt
Tradutor: Maria Emília Ferros Moura
Editor: Quinta Essência
Edição/reimpressão: Agosto de 2012
ISBN: 9789897260223
Páginas: 408
Origem: Oferecido pela editora em troca de uma opinião honesta

Sinopse: Com os últimos bens perdidos ao jogo pelo seu dissoluto irmão, Lady Sarah Compton viajou até uma festa numa casa de campo para desfrutar de um derradeiro momento de graciosidade e de beleza. Contudo, ignora que a ocasião é igualmente um famoso evento, em que membros da aristocracia podem realizar todas as suas fantasias sensuais e caprichos eróticos. Tão-pouco se apercebe de que o homem maravilhoso que entrou furtivamente no seu quarto é nem mais nem menos do que Michael Stevens, um libertino que dá e recebe ousadamente prazer...
Filho bastardo de um conde, Michael Stevens usufrui da sua reputação como o mais famoso sedutor de Londres. Contudo, não faz ideia de como atuar perante a beleza ruiva que quase confundira com uma nova conquista, nem de como uma ingénua poderia ter sido convidada para uma reunião onde a entediada elite de Londres satisfaz os seus desejos carnais. Quando Lady Sarah Compton recusa seguir o aviso de Michael - o de abandonar a casa para seu bem - nasce uma forte atração e ele anseia por ser o seu tutor na arte da paixão...

A minha opinião: Entrega Total é um romance sensual e, não sendo o primeiro que leio, devo dizer que o género ainda não me convenceu. Quer-me parecer que há um enfoque excessivo nas relações sexuais entre as personagens, e depois acaba por haver pouco desenvolvimento das mesmas. Mas talvez seja algo inerente ao género e o problema seja meu...

Quanto à história propriamente dita, Sarah é uma "jovem" de 25 anos, solteira e virgem, cujo irmão se entregou aos vícios e perdeu praticamente tudo ao jogo. Para mudar de ares, Sarah aceita ir passar uma temporada ao campo, à casa de Pamela Blair. Acabada de chegar, e enquanto toma banho, descobre que um homem se encontra no seu quarto. O homem começa a tomar certas liberdades, até perceber que, ao contrário do que lhe fora dito, Sarah não havia solicitado um encontro íntimo com ele. O homem em causa é Michael Stevens, um libertino que se encontra na casa (tal como toda a gente, excepto Sarah) para participar em encontros sexuais com os restantes hóspedes. Rapidamente Michael percebe que foi montada uma armadilha a Sarah para que fosse encontrada numa situação comprometedora e alerta-a nesse sentido, recomendado-lhe que abandone a casa o mais rapidamente possível.

Mas Sarah fica encantada com Michael e recusa-se a deixar a casa. Cedo se prova que Michael tinha razão e a sua intervenção é providencial para a safar de algumas situações complicadas.

Claro que o facto de Michael intervir na protecção da honra de Sarah só faz com que ela fique ainda mais encantada e acabe por lhe propor que tenham uma aventura, puramente sexual, no tempo em que ambos se encontram na casa. Conservar a sua virtude não tem qualquer importância para Sarah, uma vez que não tenciona casar. Michael acaba por aceitar e é aí que temos as cenas mais quentes do livro.

Ora bem, até aqui tudo bem para mim, foi já depois de saídos da casa, quando se separam, que Michael tem finalmente a atitude de patife que sempre disse ser. Não vou dizer qual é para não spoilar, mas é mesmo muito má onda. E o pior de tudo é a facilidade com que a Sarah o perdoa, mesmo sem que ele lhe peça desculpa. *revira olhos* É que nem sequer temos direito a uma epifania da parte dele, do género "Deus meu, que fui eu fazer? Nunca me perdoarei! Passarei o resto dos meus dias a compensar o mal que te fiz, e nunca mais deixarei que te falte nada!". Não, tivemos apenas um breve lampejo de pensamento, mas não se chegou a fazer luz porque, afinal, ela estava ali, e estava nua...

Em todo o caso, gostei. Foi uma leitura levezinha e compulsiva, mesmo o que me estava a apetecer. E fiquei curiosa para ler o livro anterior que é a história do irmão de Michael, James. Se bem que por uma coisa que é revelada neste livro, ele é bem capaz de se revelar um patife como o irmão...

Classificação: 3

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Novidades

Resolvi escrever este post para partilhar convosco algumas novidades. Mas antes, um pequeno desabafo... Ultimamente tenho andado com pouca vontade para escrever as opiniões sobre os livros que leio. Não sei muito bem o que se passa, mas quando me sento em frente ao computador para escrever uma opinião, não sai nada... Vou tentar pô-las em dia no fim de semana, mas não faço promessas.

E agora, as novidades. Para começar, comprei um Kindle. Sempre fui um bocado céptica em relação aos e-readers, mas depois de ler tantas opiniões favoráveis, e uma vez que tinha dinheiro dos anos e do Natal das avós, resolvi fazer o investimento. E não, isto não quer dizer que vou abandonar os livros em papel, o Kindle não vai substitui-los, vai complementá-los. Razão pela qual vou manter o botão I Pledge to Read the Printed Word porque, na verdade vou continuar a fazê-lo.

Chegou hoje, por isso ainda não posso avaliar bem, mas para já estou rendida à tecnologia E Ink. A imagem é um bocadinho manhosa, mas vejam lá um dos screensavers. Não é o máximo?















A segunda novidade é que aderi ao Twitter. Ando fartinha do Facebook, mas apetecia-me ter um sítio onde pudesse fazer uns desabafos de vez em quando, nem sempre relacionados com leituras (que para isso tenho o Goodreads) e o Twitter pareceu-me ser o sítio ideal para isso. Ainda não estou muito familiarizada com ele, mas até agora estou a gostar. Fica o link se tiverem curiosidade.


Agora agradecia era que me indicassem pessoas interessantes para seguir. E, se também por lá estiverem, digam qualquer coisa.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Opinião: "Peripécias do Coração"

Título original: The Viscount Who Loved Me
Autor: Julia Quinn
Série: Bridgertons #2
Tradutor: Ana Álvares
Editor: Edições Asa
Edição/reimpressão: Setembro de 2012
ISBN: 9789892320144
Páginas: 384
Origem: Oferecido pela editora em troca de uma opinião honesta

Sinopse: A sensata Kate Sheffield está decidida a encontrar para a sua meia-irmã Edwina um marido de reputação impecável. Mal ela sabe que o visconde Anthony Bridgerton já traçou um plano... que inclui a belíssima jovem! E ele não está habituado a ser contrariado... Embora Anthony seja o solteirão mais cobiçado da temporada, a sua reputação de mulherengo perturba Kate. Ela terá de agir rapidamente, pois Edwina vê com muito bons olhos os avanços do visconde. Mas Edwina fez uma promessa que não está disposta a quebrar: nunca casará sem a bênção de Kate. Cabe, pois, a Anthony convencer aquela que (espera) será a sua futura cunhada. Ele é um homem determinado e seguro de si... e não contava encontrar uma adversária à sua altura. Frente a frente, Kate e Anthony apercebem-se de que têm mais em comum do que imaginaram. Mas o que os une ameaça separá-los para sempre.

A minha opinião: Ai, o que eu gosto desta família! Já tinha adorado o primeiro livro, mas acho que ainda gostei mais deste.

O Anthony já tinha dado um ar da sua graça em Crónica de Paixões & Caprichos e já lhe tinha achado um piadão no seu papel de irmão mais velho e super-protector. Mas agora ficamos a saber o porquê de ele ser assim, como a morte do pai o marcou profundamente e lhe enraizou o sentido de responsabilidade pela família. A história passa-se cerca de um ano após Crónica de Paixões & Caprichos e Anthony decide que é tempo de casar e conceber o herdeiro que dará continuidade ao título. Qualquer mulher lhe serve, pois não tem qualquer intenção de se apaixonar, por isso escolhe a sensação da temporada, Edwina Sheffield, para futura esposa. Só há um problema, Edwina só casará com alguém aprovado pela sua irmã Kate, e Kate nunca deixará a irmã casar com um libertino como Anthony...

Assim que Anthony e Kate se conhecem embirram logo um com o outro e, como são ambos muito teimosos, ambos juram conseguir atingir o seu objectivo: Anthony, casar com Edwina; e Kate, nunca permitir o casamento de ambos. Gera-se uma série de situações muito divertidas, enquanto ambos procuram atingir o seu objectivo ao mesmo tempo que lidam com sentimentos contraditórios. É que, ainda que saiba que Anthony não serve para a irmã, Kate não consegue deixar de pensar que seria perfeito para ela... E, para grande espanto de Anthony, é Kate que invade os seus sonhos e não a sua irmã.

A autora é mais uma vez fenomenal na criação de personagens reais, com problemas e traumas que as tornam imperfeitas, mas encantadoras. E é também mestre na introdução de cenas memoráveis de tão divertidas, mas também fundamentais no aprofundamento da relação entre os protagonistas. Refiro-me, claro está, à famosa cena do jogo de palamalho acerca da qual já tinha lido, mas estava longe de imaginar o quão memorável seria. Mas também a cena da trovoada na biblioteca foi marcante, apesar de não ter nada de divertido.

Adorei o facto da autora não ter utilizado o acontecimento marcante que se dá no final para produzir a epifânia no Anthony, mas antes ter utilizado o Benedict e o Colin para o fazer. Começo a perceber porque é que o Colin é um personagem tão amado...

Fiquei a saber no site da autora que ela escreveu um epílogo alternativo (e parece que se trata de uma desforra no palamalho...), e que todos os epílogos alternativos vão ser editados num só volume em breve. Vou encomendar de certeza!

Agora só me resta esperar pelo próximo livro, a história do Benedict. E parece que vai ser uma espécie de retelling da Gata Borralheira. Mal posso esperar!

Classificação: 5

Resultado do passatempo "Entrega Total"

E já temos vencedora do passatempo Entrega Total, passatempo que só foi possível com a colaboração da Quinta Essência. Muito obrigada aos 79 participantes! Infelizmente só um pode vencer e a vencedora foi:

57 - Maria Elisabete Dias José

Muitos parabéns! A vencedora será contactada por email e o livro será enviado assim que receber a morada para envio.

Desafio Cruisin' thru the Cozies 2012 - Terminado!

ATTENTION: This post will be writen in Portuguese and English.

O Desafio Cruisin' thru the Cozies 2012 é organizado pelo blog Socrate's Book Reviews e consiste em ler, em 2012, cosy mysteries .

Escolhi o nível 1 - Snoop - 6 livros e estes foram os livros que li para o desafio:
  1. Morte no Nilo, de Agatha Christie
  2. O Mistério de Battersea, de Dorothy L. Sayers
  3. O Mistério do Quarto Amarelo, de Gaston Leroux 
  4. Café Negro, de Agatha Christie
  5. O homem do fato castanho, de Agatha Christie
  6. O Mistério do Comboio Azul, de Agatha Christie

Pois é, mais de metade são da Agatha Christie, mas o que é que eu hei-de fazer? É uma das minhas autoras favoritas!


The Cruisin' thru the Cozies Reading Challenge 2012 is organized by Socrate's Book Reviews and it consists of reading, in 2012, cosy mysteries. 

I chose level 1 - Snoop - 6 books and these were the books I read:
  1. Death on the Nile, by Agatha Christie
  2. Whose Body?, by Dorothy L. Sayers
  3. The Mystery of the Yellow Room, by Gaston Leroux 
  4. Black Coffee, by Agatha Christie
  5. The Man in the Brown Suit, by Agatha Christie
  6. The Mystery of the Blue Train, by Agatha Christie
Yeap, more than half are books by Agatha Christie, but what can I do? She's one of my favorite authors!

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Mount TBR 2012 Checkpoint #3


Checkpoint time again!

Bev asks us to do the following:
1. Tell us how many miles you've made it up your mountain (# of books read). If you're really ambitious, you can do some intricate math and figure out how the number of books you've read correlates to actual miles up Pike's Peak, Mt. Ararat, etc.
I've made it! I've climbed all of the 4302 m of Pike's Peak! Actually, I'm still climbing since I've read 13 books from my TBR pile and I still plan on reading a few more...

These are the books I read so far:
  1. The Big Sleep, by Ray­mond Chan­dler
  2. The Boy in the Striped Pyjamas, by John Boyne
  3. Death on the Nile, by Agatha Christie
  4. Ricochet, by Sandra Brown
  5. Heat Wave, by Richard Castle
  6. Whose Body?, by Dorothy L. Sayers
  7. Naked Heat, by Richard Castle
  8. Devil's Right Hand, by Dennis McShade
  9. The Murmuring Coast, by Lídia Jorge
  10. The House at Riverton, by Kate Morton
  11. The Mystery of the Yellow Room, by Gaston Leroux 
  12. Carte Blanche, by Carlo Lucarelli
  13. The Mystery of the Blue Train, by Agatha Christie
The book that has been the longest on my shelf is still The Murmuring Coast, a resident since 2002.

2. Complete ONE (or more if you like) of the following:
A. Using any number of titles from your conquered list, compose a poem. You may add extra words, if needed, up to the number of titles used.
 
I've done it already at the last checkpoint so I'll sit this one out this time.

B. Looking ahead to next year's challenge: Is there a level that you'd like to see added (maybe a 30 or 35 level or some other number in between our current mountain peaks)? If so, give me a suggestion and the name of a mountain peak and I'll think about switching things up a bit next year.
I still don't know how many more of my TBR books I'll be reading this year but I don't think I'll make it to 25. I wouldn't mind a level in between, maybe 16 or 18?

C. Have any of the books you read surprised you--if so, in what way (not as good as anticipated? unexpected ending? Best thing you've read all year? Etc.)
I only read two more books since the last checkpoint, one by an author I didn't know and that I enjoyed and the other by an old time favorite author of mine. Both were enjoyable but none was particularly surprinsing.

Teaser Tuesday (77)

Teaser Tuesdays é uma rubrica semanal organizada pela MizB do blog Should Be Reading.

Todos podem participar! Estas são as regras:
  • Pegar no livro que estamos a ler
  • Abrir numa página ao calhas
  • Partilhar duas frases dessa página. CUIDADO PARA NÃO INCLUIR SPOILERS!
  • Partilhar o título e o autor do livro, para que os outros participantes o possam adicionar às suas listas TBR (To Be Read). 

O meu teaser esta semana:
"Parou à porta da casa, com a água que jorrava por uma caleira abaixo junto do seu ombro, e bateu. Ninguém apareceu, pelo que, com um encolher de ombros e um sorriso de incentivo, atravessou o pátio em terra batida a correr e entrou na porta aberta do celeiro mais próximo."

~ p. 174, “O Segredo de Sophia” de Susanna Kearsley

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

A capa mais bonita (55)

A capa mais bonita é uma rubrica semanal do Tantos Livros Tão Pouco Tempo (inspirada na rubrica Cover Vs Cover do blog Library Mosaic) na qual cada semana é escolhido um livro e são comparadas a capa da edição original (sempre que possível) e a capa da edição portuguesa e, através de uma votação, é elegida a capa mais bonita.

Na semana passada a vencedora foi a capa portuguesa de Café Negro com 9 votos contra 2.

Esta semana comparamos as edições americana e portuguesa de Desejo Subtil de Lisa Kleypas. Gosto muito da capa original, mas ainda assim prefiro a capa portuguesa! E vocês, qual a capa que preferem?

Capa EUA
Capa Portugal
l l l l l l l l l l l l l l l l l
Qual a capa mais bonita?
  
pollcode.com free polls 

Opinião: "O mistério do Comboio Azul "

Título original: The Mystery of the Blue Train
Autor: Agatha Christie
Série: Hercule Poirot #6
Tradutor: Isabel Alves
Colecção: Obras de Agatha Christie nº24
Editor: Edições Asa
Edição/reimpressão: Abril de 2008
ISBN: 9789724137650
Páginas: 240

Sinopse: Ruth recebe do pai, um milionário americano, uma extraordinária jóia que encerra “um rasto de tragédia e violência”. Embora seja avisada de que não deve transportá-la para fora do país, Ruth decide levá-la consigo quando parte para Nice a bordo do famoso Comboio Azul. A notícia do seu assassinato será para todos um imenso choque… e mais um desafio para Hercule Poirot.

O Mistério do Comboio Azul (The Mystery of the Blue Train) foi originalmente publicado na Grã-Bretanha, em 1928, ano em que foi igualmente publicado nos Estados Unidos.

A minha opinião: O livro começa com uma aura de mistério, a lembrar espiões e a compra e venda de segredos. Mas, neste caso, a compra secreta é de uma famosa jóia cuja história está associada a uma série de tragédias.

É Rufus Van Aldin, milionário americano, quem compra a famosa jóia e a oferece à sua filha, Ruth. Ruth decide viajar para a Riviera Francesa a bordo do Comboio Azul e leva consigo a jóia. A bordo do comboio viaja também Katherine Grey, uma jovem que herdou uma grande quantia da senhora para quem trabalhava, e Ruth acaba por fazer algumas confidências a Katherine. Mas também Hercule Poirot viaja a bordo do Comboio Azul e, ao jantar é sentado junto a Ruth e acaba por efectuar uma espécie de profecia ao dizer a Katherine que quem sabe um dia não se verá numa aventura semelhante às que ele já viveu. E esse dia estava mais próximo do que qualquer um deles poderia imaginar...

É que na manhã seguinte Ruth está morta. E a jóia desapareceu. Katherine é chamada para dar o seu testemunho, uma vez que foi uma das últimas pessoas a falar com Ruth e Poirot acaba por ser contratado por Van Aldin para investigar o caso.

Uma das questões que se põe a Poirot é se o assassinato e o roubo estão ou não relacionados. E será que o assassino foi alguém que já se encontrava no comboio ou alguém que aproveitou a paragem na estação para entrar no comboio e cometer o crime? Suspeitos há muitos, desde o marido de quem Ruth se pretendia divorciar e que seguia no comboio, à sua amante que também seguia no comboio, passando pelo amante de Ruth que afinal estava mais interessado na jóia do que nela...

Poiror e Katherine acabam por formar uma espécie de dupla investigadora. Mas Katherine acaba por atrair as atenções de Derek, o marido de Ruth, e de Knighton, o secretário de Van Aldin, situação que Poirot encara com apreensão. Qual dos homens irá ela escolher? E será que serão mesmo aquilo que aparentam?

Mais uma história genial de Agatha Christie, com certas parecenças com O Crime no Expresso do Oriente, em que o enredo é intricado e as personagens ricas e complexas. Ah, e esta é a primeira vez que surge a aldeia ficcional de St. Mary Mead, lar de uma outra personagem bastante conhecida e querida, Miss Marple.

Classificação: 4

-------------------------------------------------------------------

sábado, 22 de setembro de 2012

Desafio Fall Into Reading 2012


ATTENTION: This post will be written in Portuguese and English.

Vou participar neste desafio pelo terceiro ano consecutivo. É organizado pelo blog Callapidder Days, e consiste, basicamente, em ler no Outono (de 22 de Setembro a 21 de Dezembro). Quem quiser participar, pode consultar as regras e inscrever-se.

Este ano vou, mais uma vez, aproveitar este desafio para tentar terminar os restantes desafios em que me inscrevi em 2012. Tal como pedem as regras, aqui fica a lista de livros que pretendo ler:
O Segredo de Sophia, de Susanna Kearsley - terminado
The Scarlet Letter, de Nathaniel Hawthorne - terminado
Silver Bay - A Baía do Desejo, de Jojo Moyes - terminado
4th of July, de James Patterson - terminado
Olhos Verdes, de Luísa Costa Gomes - terminado
O Deus das Moscas, de William Golding - terminado
Esta lista é apenas provisória e poderá ser alterada ao longo do desafio.


I'm going to participate in this challenge for the third straight year. It's hosted by Callapidder Days and it consists, basicaly of reading in the Fall (September 22nd, through December 21th). If you're interested in participating, here are the rules, just sign in.

Once again I'm gonna use this challenge to finish the other challenges I've sign up for in 2012. As stated by the rules, here is the list of books I plan to read:

The Winter Sea, by Susanna Kearsley - finished
The Scarlet Letter, by Nathaniel Hawthorne - finished
Silver Bay, by Jojo Moyes - finished
4th of July, by James Patterson - finished
Olhos Verdes, by Luísa Costa Gomes - finished
Lord of the Flies, by William Golding - finished
This list can be altered throughout the challenge.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Friday's Photo (75)

Fonte
Bom fim de semana e boas leituras!

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Theme Thursday - Correr

Theme Thursdays é uma rubrica semanal, que funciona de quinta a quinta, organizada pela kavyen do blog Reading between Pages.

Todos podem participar! Estas são as regras:
  • Um tema será colocado online todas as semanas (à quinta)
  • Pegar no livro que estamos a ler e escolher uma conversa/fragmento/frase
  • Mencionar o autor e o título do livro no post
  • É importante que o tema seja mencionado na frase (embora esta não tenha, necessariamente, de conter a palavra)

O tema desta semana é - CORRER

"Dobrando-me, afaguei as orelhas caídas do cão, sujas de lama. - Olá Angus. Andaste a correr."

~ p. 12, “O Segredo de Sophia" de Susanna Kearsley

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Teaser Tuesday (76)

Teaser Tuesdays é uma rubrica semanal organizada pela MizB do blog Should Be Reading.

Todos podem participar! Estas são as regras:
  • Pegar no livro que estamos a ler
  • Abrir numa página ao calhas
  • Partilhar duas frases dessa página. CUIDADO PARA NÃO INCLUIR SPOILERS!
  • Partilhar o título e o autor do livro, para que os outros participantes o possam adicionar às suas listas TBR (To Be Read). 

O meu teaser esta semana:
"Quase conseguia senti-lo ali ao meu lado naquele momento, mas na minha imaginação já não era o estranho moderno com quem eu tinha conversado no parque de estacionamento no dia anterior, mas alguém de tempos mais recuados, um homem com botas, capa e espada. Pensar nele tornou-se de tal maneira real que me virei... e vi que Jane me observava."

~ p. 20, “O Segredo de Sophia” de Susanna Kearsley

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Selo Versatile Blogger

Regras:
  • Postar o selo e dizer quem me presenteou;
  • Dizer 7 coisas sobre mim;
  • Presentear 15 blogs com o mesmo.
O selo foi-me oferecido pela jen7waters, pela

Sete coisas sobre mim:
  1. Passo a vida a dizer que vou fazer dieta e/ou voltar ao ginásio, mas raramente acontece...
  2. Gosto de ver as galas da Casa dos Segredos quando a apresentadora é a Teresa Guilherme.
  3. Já não consigo imaginar a minha vida sem o smartphone...
  4. Se algum dia tiver filhos, gostava de ter gémeos.
  5. Adoro sereias, golfinhos, baleias, tudo o que está ligado ao mar de certo modo.
  6. Tenho um monte de projectos de artes decorativas iniciados, mas não me tem apetecido fazer nada...
  7. Vou finalmente mandar vir um Kindle.

15 blogs para passar o selo (como o selo já está bastante difundido, vou começar por devolvê-lo às meninas que mo enviaram):
  1. Cuidado com o Dálmata
  2. Clorofórmio do Espírito 
  3. Refúgio dos Livros 
  4. Leituras de A a B 
  5. As Leituras da Fernanda
  6. O tempo entre os meus livros
  7. Currently Reading
  8. A viajante...
  9. Os devaneios da Jojo
  10. Muito para ler
  11. Horizonte dos Livros

Passatempo “Entrega Total”

Com o apoio da Quinta Essência, o Tantos Livros Tão Pouco Tempo tem para oferecer um exemplar de Entrega Total de Cheryl Holt.

Para participar só têm de responder correctamente às seguintes perguntas e esperar que a sorte vos sorria!

O passatempo termina às 23:59 de 24 de Setembro.

As regras são as seguintes:
  1. Só é aceite uma participação por pessoa e só de habitantes em Portugal;
  2. O vencedor será sorteado aleatoriamente (através do Random) de entre todas as participações com a totalidade das respostas correctas;
  3. O vencedor será notificado por email e anunciado aqui no blog;
  4. O livro será enviado por mim, em tarifa editorial, não sendo o blog responsável por possíveis extravios nos correios. Todavia, caso o vencedor assim o queira, o livro será enviado em correio registado, sendo os custos pagos pelo vencedor.
 As respostas podem ser encontradas aqui.

A capa mais bonita (54)

A capa mais bonita é uma rubrica semanal do Tantos Livros Tão Pouco Tempo (inspirada na rubrica Cover Vs Cover do blog Library Mosaic) na qual cada semana é escolhido um livro e são comparadas a capa da edição original (sempre que possível) e a capa da edição portuguesa e, através de uma votação, é elegida a capa mais bonita.

Na semana passada a vencedora incontestável foi a capa portuguesa de O Protector com 18 votos contra 3.

Esta semana comparamos as edições britânica e portuguesa de Café Negro. Também aqui prefiro a capa portuguesa! E vocês, qual a capa que preferem?

Capa Reino Unido
Capa Portugal
l l l l l l l l l l l l l l l l l
Qual a capa mais bonita?
  
pollcode.com free polls 

domingo, 16 de setembro de 2012

Opinião: "Carte Blanche"

Título original: Carta Bianca
Autor: Carlo Lucarelli
Série: Commissario De Luca #1
Tradutor: Michael Reynolds
Editor: Europa Editions
Edição/reimpressão: 2006
ISBN: 193337215X
Páginas: 110

Sinopse: April 1945, Italy. The final days of the Fascist Republic. Commissario De Luca is heading up a murder investigation that draws him into the private lives of the rich and powerful as World War II reaches its frantic climax. The regime's days are numbered and its disgraced leaders know it. Their desperate retreats and futile struggles for pieces of the post-war pie are making a regular cop's job awfully hard to do.  With Mussolini's house of cards ready to collapse, De Luca faces a world mired in sadistic sex, dirty money, drugs and murder.

Carte Blanche, the first installment in Carlo Lucarelli's "De Luca Trilogy", is much more than a first-rate crime story. It is also an investigation into the workings of justice in a state that is crumbling under the weight of profound historic change. The "De Luca Trilogy" is set during one of the 20th century's seminal moments and describes a nation's ardent search to rediscover its moral bearings after being torn in two by civil strife and political corruption. Threatened by the machinations of a decaying political class, De Luca (himself reminescent of the disenchanted Dashiell Hammett PI) is a simple man doing a though job as best as he can. Even after closing his investigation, he will still have to face one final, fateful decision. 

A minha opinião: Esta foi a minha estreia na ficção policial histórica (tradução minha de historical crime fiction) e posso dizer que gostei. Carte Blanche passa-se num período conturbado da história da Itália, 1945, quando a queda de Mussolini está iminente. O protagonista, Commissario De Luca, acaba de se juntar à polícia "normal", vindo da Brigata Muti, a polícia fascista de Mussolini (de certo modo, semelhante à nossa PIDE), e logo no seu primeiro caso, defronta-se com um assassinato de um homem relacionado com altas figuras do estado fascista. 

Cedo um representante do regime entra em cena assegurando a De Luca que este terá todo o apoio do regime desde que prenda o suspeito certo, claro. As testemunhas começam a aparecer mortas e De Luca não está totalmente certo de que o suspeito que é suposto prender tenha sido mesmo o assassino. Num caso que envolve drogas, ocultismo e a Gestapo, De Luca revela-se, cada vez mais, um homem cansado. Afinal, ele é apenas um polícia que só quer fazer o seu trabalho e cuja interferência das esferas políticas fazem com que fazer o seu trabalha seja, não só difícil, como também perigoso.

O autor refere no prefácio que baseou o Commissario De Luca num ex-polícia que conheceu quando andava a fazer pesquisa para a sua tese, e que havia sido polícia durante 40 anos, tendo pertencido à polícia fascista primeiro perseguindo anti-fascistas e depois fascistas que discordavam do regime; durante a guerra havia voltado a perseguir anti-fascistas sabotadores; no final da guerra fez parte da polícia partidária perseguindo fascistas; e após o estabelecimento de um governo regular fez parte da polícia da República Italiana perseguindo alguns dos partidários que haviam sido seus colegas. Ou seja, um homem, um polícia, que não importando qual era a sua ideologia, se limitava a fazer o seu trabalho. 

Uma leitura recomendada para fãs de policiais noir, muito ao género de Raymond Chandler.

Classificação: 3

-------------------------------------------------------------------

Este livro conta para os Desafios Color Coded 2012, Mount TBR 2012 e Mystery & Suspense 2012.

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Friday's Photo (74)

Fonte
Bom fim de semana e boas leituras!

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

14 Set l 18h30 l "Aventuras de viagens que ficaram por contar" com Tiago Salazar e Joaquim Magalhães de Castro


Infelizmente não poderei estar presente, mas parece-me muito interessante. Alguém vai?

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

A capa mais bonita (53)

A capa mais bonita é uma rubrica semanal do Tantos Livros Tão Pouco Tempo (inspirada na rubrica Cover Vs Cover do blog Library Mosaic) na qual cada semana é escolhido um livro e são comparadas a capa da edição original (sempre que possível) e a capa da edição portuguesa e, através de uma votação, é elegida a capa mais bonita.

Na semana passada a vencedora foi a capa portuguesa de Casamento de Conveniência com 10 votos contra 5.

Esta semana continuamos com Madeline Hunter, mas desta feita comparamos as edições americana e portuguesa de O Protector. Aqui não há dúvida possível, acho a capa portuguesa lindíssima! E vocês, qual a capa que preferem?

Capa EUA
Capa Portugal
l l l l l l l l l l l l l l l l l
Qual a capa mais bonita?
  
pollcode.com free polls 

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Friday's Photo (73)

Fonte
Bom fim de semana e boas leituras!

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Theme Thursday - Andar

Theme Thursdays é uma rubrica semanal, que funciona de quinta a quinta, organizada pela kavyen do blog Reading between Pages.

Todos podem participar! Estas são as regras:
  • Um tema será colocado online todas as semanas (à quinta)
  • Pegar no livro que estamos a ler e escolher uma conversa/fragmento/frase
  • Mencionar o autor e o título do livro no post
  • É importante que o tema seja mencionado na frase (embora esta não tenha, necessariamente, de conter a palavra)

O tema desta semana é - ANDAR

"Kate, pelo contrário, tinha sempre os ombros muito direitos, não conseguia ficar quieta nem que a sua vida dependesse disso, e andava como se participasse numa corrida - e porque não?, perguntava-se sempre. Se era para ir a algum lado, qual poderia ser o sentido de não chegar lá rapidamente?"

~ p. 20, “Peripécias do Coração" de Julia Quinn

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Top Ten Tuesday - Livros na minha lista TBR de Outono

Top Ten Tuesday é uma rubrica original do site The Broke and the Bookish, na qual, cada semana, nos é dado um tema para o qual devemos fazer uma lista.

Esta semana o tema é livros na minha lista TBR de Outono. Como já tinha avisado na lista de Verão, não sou muito boa a planear leituras a longo prazo, por isso não garanto que estes livros sejam mesmo lidos no Outono... A lista dá prioridade a livros para completar os desafios em que me inscrevi.

1. O Segredo de Sophia de Susanna Kearsley - este não é para desafios, é apenas porque me apetece lê-lo.

2. The Scarlet Letter de Nathaniel Hawthorne - conta para os desafios Color Coded 2012, What's in a Name 5 e Mount TBR 2012.

3. Silver Bay - A Baía do Desejo de Jojo Moyes - conta para o desafio Color Coded 2012.

4. 4th of July de James Patterson - conta para o desafio What's in a Name 5 e Mystery & Suspense 2012

5. Olhos Verdes de Luísa Costa Gomes - conta para os desafios Color Coded 2012 e Mount TBR 2012.

6. O Deus das Moscas de William Golding - conta para os desafios What's in a Name 5 e Mount TBR 2012.

7. Filha da Fortuna de Isabel Allende - conta para o desafio Mount TBR 2012 e apetece-me voltar a ler Isabel Allende.

 
8. Sapatos de Rebuçado de Joanne Harris - conta para o desafio Mount TBR 2012 e vou lê-lo a propósito do lançamento do terceiro livro da série.

 
9. O Fruto Proibido de Sherry Thomas - conta para o desafio Mount TBR 2012.

 
10. O Labirinto de Água de Eric Frattini - conta para o desafio Mount TBR 2012.

Teaser Tuesday (75)

Teaser Tuesdays é uma rubrica semanal organizada pela MizB do blog Should Be Reading.

Todos podem participar! Estas são as regras:
  • Pegar no livro que estamos a ler
  • Abrir numa página ao calhas
  • Partilhar duas frases dessa página. CUIDADO PARA NÃO INCLUIR SPOILERS!
  • Partilhar o título e o autor do livro, para que os outros participantes o possam adicionar às suas listas TBR (To Be Read). 

O meu teaser esta semana:
"Katherine não respondeu à pergunta, pelo menos directamente. - Falou da morte da mulher - disse ela. - Disse que não ia fazer de conta que tinha sido mais do que um estupendo golpe de sorte para ele."

~ p. 131, “O Mistério do Comboio Azul” de Agatha Christie